A ressaca – Parte III

Devo confessar que tinha grandes expectativas para este filme. Para quem está à espera de uma nova “ressaca” com acontecimentos estranhos e inesperados, vai ficar desiludido. Não digo que o filme não esteja muito bem conseguido, apenas sublinho que não é o que se estava à espera. Mais uma vez, os actores estão magníficos e a história muito divertida. Aconselho a verem, mas sem expectativas demasiado elevadas. E, embora seja anunciado como “o fim” da trilogia, desconfio que está planeada uma sequela, dado o “desfecho” do filme. Bem, pelo menos, eu espero que sim. Sou fã da Ressaca.

Divirtam-se,

Juan

A Branca de Neve e o Caçador

Há maçã envenenada, há os sete anões, há o caçador e a bruxa má. Tudo isto se mantém semelhante a história por nós conhecida. No entanto, é diferente. Kristen Stewart (Branca de neve) foge da prisão onde vive enclausurada a mando da rainha (Charlize Theron). A rainha, desesperada, contrata um caçador (Chris Hemsworth) para a encontrar… Mas nem tudo corre como esperado…

Gostei muito desta “história encantada” modificada. Muito original e bem conseguida.

Juan

Sensibilidade e Bom Senso

Este drama é baseado na obra de Jane Austen e, como tal, tem um enredo apaixonante. Gostei muito deste filme e senti que todas as personagens estavam maravilhosamente interpretadas.
É claro que foi estranho ver o Snape (Alan Rickman) a incorporar o admirador de Marianne (Kate Winslet), a irmã do meio. Foi também peculiar ver Hugh Laurie (Dr. House) a ser uma personagem gentil e amigável que se ofereceu para prestar o apoio necessário à família Dashwood (Elinor, Marianne, sua irmã mais nova e sua mãe).

Acho que é um filme a não perder!

Juan

Marie Antoinette

Marie Antoinette – rainha de França aquando a revolução francesa. Para muitos, uma personagem fútil e superficial… mas será mesmo?

Kirsten Dunst encarna a personagem de uma forma formidável e inesquecível e mantém-nos presos ao ecrã. Embora conhecesse a história a priori, confesso que torci para que Maria Antonieta não morresse no final. Pode parecer estúpido, mas foi o que aconteceu!

Espero que gostem tanto como eu.

Juan

Cosmopolis

Vi este filme ontem. Não sabia o que esperar. Mesmo que soubesse, acho que me teria surpreendido. Robert Pattinson é Eric Packer, um jovem multi-milionário hipocondríaco, nesta adaptação da obra de Don DeLillo ao grande ecrã.

É um bom filme, embora melancólico, que nos faz questionar o que é viver e o que é sentir.

Espero que gostem,

Juan